Torcida sobe o tom e faz ameaças: "Botafogo vale mais que suas vidas"

Botafogo amarga a vice-lanterna do Brasileirão com apenas 20 pontos e tenta evitar seu terceiro rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 01 (AFI) - A torcida do Botafogo passou dos limites ao ameaçar de morte os jogadores por conta da campanha no Campeonato Brasileiro. Os muros do Nilton Santos foram novamente pichados e, agora, com palavras mais fortes, dignas de caso de polícia.

Ameaças de morte no Niltão. (Foto: Reprodução)
Ameaças de morte no Niltão. (Foto: Reprodução)

"Já ouviram falar em morte de jogador?", "O Botafogo vale mais que suas vidas", "Protejam as crianças", "Vai morrer, seus fdp" e "Mercenários" foram algumas das frases escritas nos locais.

.OUTRAS AMEAÇAS!
Em fotos que circulam em redes sociais mostram outras frases na sede e no estádio com ameaças em caso de rebaixamento para a segunda divisão nacional ou se não vencer domingo. Sobrou até para o Pai Sérgio de Ogum, que em setembro decretou o rebaixamento: "Bala no Pai Sérgio".

Há ainda um endereço escrito como se fosse de um dirigente e críticas a jogadores com destaque no elenco como o japonês Keisuke Honda, o marfinense Salomon Kalou e o volante Cícero. "Honda boi", "Fora, Cícero" e "Kalou volta pra África" foram as frases de protesto nos muros do Engenhão.

O Botafogo amarga a vice-lanterna do Brasileirão com apenas 20 pontos e tenta evitar seu terceiro rebaixamento. O próximo desafio será contra o rival Flamengo no domingo, no Nilton Santos. O recém-contratado Eduardo Barroca está com Covid-19 e não ficará no banco.