Atacante que nunca jogou cobra mais de R$ 700 mil do Corinthians

O motivo da cobrança são atrasos salariais, 13º, férias, além de depósitos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS)

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 24 (AFI) - O Corinthians tem mais um processo na Justiça do Trabalho. Após sair do Timão sem atuar em nenhuma partida, o atacante Luidy, de 24 anos, está cobrando R$ 724 mil. O processo corre na 23ª Vara do Trabalho de São Paulo.

O motivo da cobrança são atrasos salariais, 13º, férias, além de depósitos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). O valor ainda não foi corrigido com juros e multa e, portanto, deverá aumentar.


Corinthians se reapresenta com atletas da base integrados ao profissional:

Espaço incorporado por HTML (embed)


MAIS SOBRE ELE

Com a camisa do Galo, em 2020, Luidy, de 24 anos, tem cinco gols em 44 jogos. Na Série B são dois gols e 26 partidas. Luidy conhece muito bem o CRB.

Afinal, ele se destacou com a camisa regatiana em 2016 e foi contrato pelo Corinthians no ano seguinte.

No clube paulista, porém, não foi aproveitado. O Corinthians emprestou o atacante a Figueirense, Ceará, São Bento, Londrina e CRB, seu atual clube.